Escolha uma Página
Exército, Gefron e PRF reforçam combate a gripe suína na fronteira de MT
Sinézio Alcântara de Cáceres10/08/2009 15:30
Soldados do Exército, patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e policiais do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) se aliam a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para conter a entrada da gripe Influenza H1N1, a gripe suína, no Estado, através da região de Cáceres, na fronteira com a Bolívia. 100 homens participam da tarefa. A operação consiste em orientar as pessoas que entram ou saem do Brasil, através da Bolívia, sobre os sintomas e as medidas preventivas de combate a gripe, bem como a busca por casos suspeitos entre os passageiros.
Até agora não foi confirmado nenhum caso da doença no município. Dos oito casos suspeitos seis foram descartados e dois estão em investigação. O trabalho é uma parceria da ANVISA, Escritório Regional de Saúde e o setor municipal de Vigilância Sanitária (VISA). Soldados do Exército, de acordo com a coordenadora da VISA, Arlene Oliveira Alcântara, atuam no destacamento militar da Corixa, localizado a 9 quilômetros da província de San Matias (BO).
A função, segundo ela, é realizar uma triagem, no local, entre os passageiros. Além da segurança rotineira na região, a função do Gefron, segundo ela, será orientar e distribui panfletos na barreira do Limão, a 35 quilômetros da divisa; enquanto que a Polícia Rodoviária Federal tem a finalidade de alertar e orienta os usuários da rodovia, principalmente, quem trafega pela BR-070 que liga Cáceres a Bolívia.Leia mais.
Skip to content