Escolha uma Página

No quarto dia de trabalho em Fernando de Noronha (PE), o clima ficou tenso entre a imprensa e a Aeronáutica. Apesar de o arquipélago ter sido escolhido como base avançada das Forças Armadas, as informações oficiais continuam sendo repassas por Brasília.
Por volta das 10h45 (horário de Brasília), o helicóptero blackhawk, que decolou em direção ao local dos destroços nesta manhã, retornou ao aeroporto. A imprensa, à procura de informações e na expectativa de ver o desembarque caso houvesse destroços, entrou em área reservada da Aeronáutica.
Enquanto cinegrafistas e fotógrafos capturavam imagens do helicóptero, militares chegaram armados com cassetetes, apoiados pela Polícia Militar, na tentativa de intimidar a imprensa. “A tenente da Aeronáutica responsável por repassar informações à imprensa chegou hoje, mas está almoçando. Depois ela fala com vocês”, disse um dos sargentos quando questionado sobre a falta de repasse de informações.
Leia mais.
G1

Skip to content