Cabo do Exército morre após perder controle de carro e cair dentro de igarapé no interior do Acre (vídeo)

Reprodução: NHN

 

Acidente foi na noite de sábado, mas o carro só avistado por populares na manhã do domingo

Ithamar Souza, Na Hora da Notícia

Plácido de Castro (AC) – O corpo cabo do Exército Brasileiro, Carlos Francisco Bezerra Gomes, foi encontrado na manhã deste domingo (30), após ele perder o controle do próprio carro e cair dentro de um igarapé às margens da rodovia AC-475, entre os municípios de Acrelândia e Plácido de Castro, no interior do Acre.

Segundo informações de moradores da região, por volta das 22h do sábado (29), eles estavam dentro da própria residência deles, quando ouviram um barulho de acidente de trânsito e chegaram a olhar para a estrada, mas não visualizaram nada. Já na manhã desta domingo, por volta das 11h, alguns moradores passaram próximo ao igarapé e viram o carro com uma parte submersa e as quatro rodas para cima.

Os moradores ligaram para o Corpo de Bombeiros Militar, que esteve no local e juntamente com o Pelotão de Mergulho conseguiram confirmar a presença de um corpo dentro do veículo. Os militares isolaram a área e acionaram os agentes do Instituto Médico Legal (IML), que enviaram o perito criminal, juntamente com os auxiliares de Necropsia. Após a perícia, o corpo do cabo Carlos Gomes foi removido e encaminhado para a sede do IML em Rio Branco, onde passará pelos exames cadavéricos.

O carro em que o militar estava, um veículo modelo Gol de cor preta e placa MZS-8314, foi retirado das águas com auxílio de máquinas e os militares do Corpo de Bombeiros, e em seguida foi entregue a familiares do cabo.

Ainda segundo informações de amigos da vítima, o cabo Carlos Gomes estava na noite de sábado em um clube que fica entre os municípios de Acrelândia e Plácido de Castro, onde possivelmente teria consumido bebidas alcoólicas e depois estava indo com destina à residência dele.

De acordo com a polícia, o cabo Carlos Gomes estava atuando como técnico de enfermagem no Batalhão do Município de Plácido de Castro.

O caso foi registrado e será investigado pela Polícia Civil na Delegacia de Polícia Civil de Acrelândia.

NHN Na Hora da NotíciaEdição: Montedo.com

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo