Exército não terá ato alusivo ao 31 de março de 1964

FORTE APACHE DF

Clube Militar “estuda a possibilidade de um evento”

Leandro Mazzini
Em meio ao desgaste provocado pelas investigações da Polícia Federal e do Supremo Tribunal Federal que associam militares de alta patente ao suposto plano de golpe de Estado, o Comando do Exército posiciona à Coluna que “não haverá ato oficial relativo ao ‘31 de março de 1964’ no âmbito da Força Terrestre”.

A data marca os 60 anos do início da ditadura militar que durou mais de duas décadas no Brasil. As comemorações foram retomadas pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e interrompidas no ano passado pelo Governo Lula.

Já o Clube Militar do Rio de Janeiro afirma à reportagem, laconicamente, que está “estudando a possibilidade de um evento (no dia)”.

COLUNAESPLANADA

13 respostas

  1. Data Magna da Marinha foi uma guerra, o EB não tem outra data a que se comemore com vários Episódios de guerra real? Ditadura foi um movimento espúrio cultivado pelos EUA (Big Stock), o qual fez vítimas de ambos os lados que se digladiaram e nem guerra era.

  2. Quero ver poibrir, marcha da maconha, passeata gay, invasão do sem terra etc etc etc o Exército jogando sua historia no lixo.

    1. Manifestações democráticas sempre serão válidas, quem quiser exaltar a ditadura sugiro que vá para a Venezuela.

    2. isso aí tudo que não presta,pode a história não pode ser contestada , eu quando era criança fiz duas travessias no Rio da Ilha fiscal a ilha do CIAW EM COMEMORAÇÃO AO GLORIOSO ATITUDE DAS FORÇAS ARMADAS AO CANCER DO COMUNISMO .

  3. Interessante observar o uso que se faz dos EUA pelos esquerdistas desmiolados que só repetem clichês e orelhas de livros.

    São inimigos ferrenhos da cultura americana, a ponto de se tornarem amigos dos inimigos dos EUA, mesmo que esses inimigos sejam adeptos de práticas contrárias ao que pensam os esquerdistas.

    Ao mesmo tempo, sempre usam exemplos dessa mesma cultura e história americanas para endossar algum ponto de vista seu.

    É um “amor” doentio, ciumento, platônico.

    Talvez pura inveja e demonstração de um complexo de “vira-lata”.

    “Que país é este?”.

  4. Parece que os mais de dez anos de governo Militar, não serviu de exemplo para muitos, acho que mais 20 anos seria bom, para que a Harmonia volte a existir no País. E a corda esta para rebentar a qualquer momento. depois do leite derramado ou a represa rebentada não tem como parar a coisa. É bom pensar bem, voltar atrás pela harmonia em favor do bem da Nação. depois de a nação ter encontrado a paz vai querer voltar a guerra? Lembro-me de um militar que falou. time que está bom não se mexe, mas como o time não está bom, a perseguição demonstra isto que não querem a paz. alguma coisa tem que ser mexida, isto dito como conselho. porque não viver em paz procurando viver em guerra. Guerra sempre tem um lado que perde. e por não sabermos o lado que vai vencer é que se tem que ter cautela. Estou muito preocupado e quero a paz. Jesus é o príncipe da Paz. vamos adotar a vontade de Deus para a nação. vamos viver em paz nação a guerra não é bom para ninguém. Que deus de sabedoria para quem está em eminência para conduzir a nação com a Paz de deus que excede o entendimento dos homens.

  5. Essa quebra de confiança demonstra a fraqueza de nossas forças de segurança, em uma guerra vão entregar até a mãe ao inimigo. Não se poderá fazer nada em cima de cadáveres, a imposição dessa justiça corrupta que se vê é um deboche a nós cidadãos que trabalhamos uma vida para sustentar essa corja. #FORA LULA E SEUS ASSECLAS!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo