Aluna da EsPCEx morre após ser atingida por ultraleve no RJ

Aluna da EsPCEx morta em Nova Iguaçu

Carolina Kethelim, de 22 anos, deu entrada no Hospital Geral do município em estado gravíssimo e teve morte encefálica constatada

Rio – Caroline Kethlin de Almeida Ribeiro, de 22 anos, deu entrada no Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI), na Baixada Fluminense, neste sábado (9). Enquanto realizava atividade física na pista do Aeroclube de Nova Iguaçu, ela foi atingida por uma aeronave ultraleve desgovernada..

Caroline era aluna da Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCx), de Campinas,  e passava o feriado com a família.  Ela chegou ao hospital em estado gravíssimo e foi internada no CTI da unidade. Horas depois, foi aberto um protocolo de morte encefálica e os médicos realizaram uma série de exames para avaliar seu estado clínico e neurológico, mas a paciente não respondeu.
Em nota, a EsPCEx informou que aluna se encontrava em licenciamento do feriado da Independência.

Com informações de O Dia

3 respostas

    1. a família manifestou vontade sim, funeral inclusive foi retardo por esse motivo e pelas mínimas homenagens que não só ela, mas familiares e amigos merecem. Descanse em paz guerreira!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo