ONU alerta para “risco maior” de conflito nuclear desde a Guerra Fria

Explosão nuclear

Ameaças de uso de armas nucleares preocupa Conselho de Segurança que cobra cooperação dos países

Leiliane Lopes
Um alerta feito pelo Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) diz que há um “risco maior” de uma guerra nuclear e que o estado é preocupante, pois se trata do maior risco desde o período da Guerra Fria,

A tensão nuclear recente foi assunto da última reunião do conselho e foi destacada pela subsecretária-geral da Organização das Nações Unidas para Assuntos de Desarmamento, Izumi Nakamitsu.

– O risco de uma arma nuclear ser usada é, atualmente, maior do que em qualquer outro momento desde o auge da Guerra Fria – declarou ela.

Um dos motivos do alerta foi a recente declaração de Vladimir Putin sobre o armazenamento de armas nucleares em Belarus.

– Quando se trata de questões relacionadas a armas nucleares, todos os Estados devem evitar tomar quaisquer ações que possam levar a uma escalada ou erro de cálculo – afirma a subsecretária.

Nakamitsu explica que o risco de um conflito com bombas atômicas é causado por falas como a do líder russo, além da falta de diálogo entre os países. Ela ainda recomenda que os Estados Unidos e a Rússia, os dois países com maiores arsenais nucleares, retomem as conversas para implementar o novo Tratado START.

pleno.news/montedo.com

2 respostas

  1. A população Mundial, deve esta chegando ao fim,por incopetência da ONU. porque ok estão fazendo com a Russia é uma tremenda covardia, Todos os Paises da OTAN, mandando armas , tanques e aviões de combate para Ucrania,.lutar contra a Russia, O que deveria fazer e a ONU, pedir para o Presidente da Ucrânia renunciar. ele é o problema da guerra. Ele esta levando a Ucrânia, a uma divida mostruosa, em armamentos com , com Estado Unidos, Inglaterra e Alemanha, ninguém da aramento de graça. o Mundo corre perigo de extinção da raça humana, em caso de um conflito Nucelar,. e a UNU nada faz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo