Centro de Psicologia do Exército realiza exame psicológico em concurso para sargento de forma eliminatória pela primeira vez

Tese psicológico CGFS
O Centro de Psicologia Aplicada do Exército (CPAEx) realizou uma importante atividade no último dia 25 de fevereiro, ao aplicar, pela primeira vez em caráter eliminatório, o Exame Psicológico em um concurso de admissão ao Curso de Formação e Graduação de Sargentos (CFGS) 2022/2023.
Essa iniciativa é fundamental para aferir a compatibilidade dos candidatos com os perfis psicológicos exigidos para a carreira militar, por meio da avaliação de características intelectuais, motivacionais, emocionais e de personalidade.

Cerca de 60 psicólogos efetivos do CPAEx e de diversos Comandos Militares de Área foram empregados na atividade, que ocorreu de forma simultânea nas 13 unidades escolares tecnológicas do Exército espalhadas pelo país. O exame foi planejado e coordenado pelo CPAEx, e contou com a participação de profissionais em localidades como Jataí-GO, Pirassununga-SP, Juiz de Fora-MG, Rio de Janeiro-RJ, Itajubá-MG, Fortaleza-CE, Natal-RN, entre outras.

Essa avaliação é de suma importância para garantir que os novos sargentos estejam aptos a se adaptarem à carreira militar e ocupar os cargos necessários após o período de formação. A aplicação do exame em caráter eliminatório demonstra o comprometimento do Exército Brasileiro em selecionar os melhores candidatos e garantir a qualidade do serviço prestado à nação.

DEFESA EM FOCO/montedo.com

15 respostas

  1. Tem que fazer, também, para o pessoal da turma de cima, pois servi com muito oficial que tinha sérios problemas. Cheguei nesta conclusão através do seguinte fato: “Formatura para o Cmt da OM, o tempo estava se armando, então o S3 (Major) indaga o Comandante, senhor haverá formatura com chuva, o Comandante responde se a distância entre os pingos de chuva forem menor que 30 cm não terá formatura e for maior que 30 cm, então terá. O S3, mais o seu auxiliar Subão querendo sair QAO pegaram uma fita métrica e saíram a medir os pingos de água no pátio de formatura, isso aconteceu em um Batalhão Operacional.

    1. Em pensar que temos milhares de majores fomo esse… medo, infantilidade, servilismo e falta de visão. Uma falta de proposta institucional dá nesse tipo de coisa absurda, gente que pensa assim… e isso ainda deve ocorrer meu camarada… isso ainda deve ocorrer

  2. A cada dia uma derrota diferente. Se em outros concursos os eliminados em testes psicológico voltam entrando na justiça.. no EB será pior.

    Motivação: 10 anos como 3° sgt além dos 2 de aluno.

    Emocional: chegar na OM e tomar mijada do QAOzão porque o lobo não sabe fazer um documento.

    Personalidade: tomar ferro no SGD porque “não se enquadra no eB”.

  3. e para os possíveis oficiais, não vai rolar? olha aí o “mito”, se tivesse esse exame na época certamente já teria um eliminado, o “messias”

  4. Teste de Admissão Psicológica do 3º Sgt: Vc 01 de concurso, com capacidade de passar na PM (Que tem escala de folga, autorizado por lei ter outro trabalho, E ainda tem “um pouco de respeito pelos oficiais”) esta disposto a passar 10 anos sem aumento ganhando maravilhosos 4 mil liquido e pagando mais de 2 mil no aluguel de qualquer capital do país ? Parabéns vc é doido o suficiente. Está aprovado !

  5. Sou ex-sargento do eb, atualmente, estou na PMGO. O que posso afirmar com toda a certeza é que o teste psicotécnico não seleciona nada, uma vez que são testes facilmente manipuláveis. A verdade é que quem reprova não quer dizer que é “doido”, apenas quer dizer que não se preparou para o teste. Forte abraço.

  6. Acredito que o motoqueiro do cartão não tenha sido avaliado psicologicamente, devido sua conduta desastrada em todos os segmentos que atuou. Uma simples avaliação pode evitar que um “transtornado’ venha ter poder de decisão sobre outras pessoas.

  7. Exame psicológico para políticos, ministros e temporários, eu apoio essa idéia.

    Se tivesse exame psicológico para o serviço militar obrigatório seria uma ótima iniciativa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo