Escolha uma Página

Advertência é do Ministério da Defesa da China

Reuters
Os militares chineses foram colocados em alerta máximo e lançarão “operações militares direcionadas” em resposta à visita da presidente da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, a Taiwan, afirmou o Ministério da Defesa da China nesta terça-feira (2).
Separadamente, o Comando de Teatro Oriental do Exército de Libertação Popular chinês disse que realizará operações militares conjuntas perto de Taiwan a partir da noite de hoje e testará o lançamento de mísseis convencionais no mar a leste de Taiwan.
Os exercícios incluirão operações aéreas e marítimas conjuntas no norte, sudoeste e nordeste de Taiwan, disparos reais de longo alcance no Estreito de Taiwan e lançamentos de mísseis de teste no mar a leste de Taiwan, disse o Comando do Teatro Oriental.

Resposta
Em resposta, o Ministério da Defesa de Taiwan disse que a China está tentando ameaçar portos e cidades importantes ao anunciar exercícios militares ao redor da ilha nos próximos dias.
Em comunicado, o ministério disse que os exercícios visam intimidar psicologicamente os cidadãos de Taiwan, acrescentando que as Forças Armadas “reforçaram” seu nível de alerta e os cidadãos não devem se preocupar.
AgênciaBrasil/montedo.com

Skip to content