Escolha uma Página

O deputado ganhou os holofotes e a ira da esquerda por ser o autor de uma PEC que abre caminho para a cobrança de mensalidades em universidades públicas

O deputado federal Roberto Sebastião Peternelli Júnior (União Brasil), de 67 anos, ganhou os holofotes e a ira da esquerda por ser o autor de uma PEC que abre caminho para a cobrança de mensalidades em universidades públicas, lembra a Crusoé.
A votação do projeto na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, a CCJ, estava marcada para ocorrer há duas semanas, mas foi adiada para a realização de audiências públicas. Na sua justificativa, o texto afirma que “o gasto público nessas universidades (públicas) é desigual e favorece os mais ricos. Não seria correto que toda a sociedade financie o estudo de jovens de classes mais altas”.
Em entrevista à Crusoé, Peternelli (foto) diz que não compreende a aversão de políticos de esquerda à sua proposta.
“A esquerda não quer taxar os ricos? Então. Essa resistência deles, eu tenho dificuldade para entender. Outros que me criticam afirmam que algo que é público não pode ser pago. Não tem nada a ver. O Banco do Brasil é público e cobra taxas dos correntistas. O Correios é uma empresa pública e tem vários preços para mandar pacotes.”
LEIA MAIS AQUI;
O Antagonista/montedo.com

Skip to content