Escolha uma Página

Vice-presidente voltou a dizer que apoia o pedido de investigação feito por Bolsonaro sobre o ministro Alexandre de Moraes

Hamilton Mourão voltou a dizer neste domingo (22) que apoia o pedido de investigação feito por Jair Bolsonaro sobre o ministro Alexandre de Moraes, do STF. Para o vice-presidente, Bolsonaro se sente pressionado com as decisões do Supremo e usa os instrumentos da Justiça que tem à disposição.
“Ele [Bolsonaro] apresentou uma demanda para que se considerasse o ministro [Moraes] parcial em relação aos casos que ocorrem com ele. O tribunal não concordou, agora está na mão do procurador-geral da República. Então eu julgo que é um momento que o tribunal tem que entender que ele está escalando algo que não precisava ser escalado”, afirmou Mourão, em visita a um evento em Florianópolis
“Há pouco tempo nós víamos que o mesmo tribunal, ele julgou o doutor Sergio Moro parcial no caso das acusações e dos processos que o ex-presidente Lula respondeu. Mas nenhum daqueles ministros se julga impedido de decidir sobre casos de onde eles são parte”, completou.
Na quarta-feira passada, depois de ter tido sua ação no STF rejeitada por Dias Toffoli, Bolsonaro entrou com uma representação contra Alexandre de Moraes na Procuradoria-Geral da República.
As alegações são as mesmas que o presidente incluiu na ação que apresentou ao STF, na qual acusa o ministro do Supremo de abuso de autoridade.
O Antagonista/montedo.com

Skip to content