Escolha uma Página

Esse foi o primeiro encontro entre o general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira e o presidente do Supremo Tribunal Federal

O ministro da Defesa, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, reafirmou durante reunião com o presidente do STF, ministro Luiz Fux, que as Forças Armadas estão “comprometidas com a democracia brasileira” e que os militares vão atuar para manter a normalidade das eleições de 2022.
Esse encontro foi solicitado pelo próprio general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, após o presidente da República, Jair Bolsonaro, ter defendido a realização de uma auditoria eleitoral paralela pelas Forças Armadas. Essa foi a primeira vez que o novo ministro da Defesa conversou com o presidente do STF.
A reunião durou em torno de uma hora. “Durante o encontro, o ministro da Defesa afirmou que as Forças Armadas estão comprometidas com a democracia brasileira e que os militares atuarão, no âmbito de suas competências, para que o processo eleitoral transcorra normalmente e sem incidentes”, afirmou há pouco o STF por meio de nota oficial.
“Por sua vez, o presidente do STF ressaltou que a Suprema Corte brasileira preza pela harmonia entre os Poderes e pelo respeito entre as instituições”, acrescentou o Supremo.
À noite, o Ministério da Defesa também divulgou uma nota sobre o encontro com Fux, afirmando que foram tratadas questões institucionais e o “respeito entre as instituições”. “O ministro da Defesa reafirmou, ainda, o permanente estado de prontidão das Forças Armadas para o cumprimento das suas missões constitucionais”, afirma a nota da pasta.
O Antagonista/montedo.com

Skip to content