Escolha uma Página

Militares que aceitaram se reunir com Glauber Braga rebateram as ofensas fazendo questionamentos sobre o governo Bolsonaro

Bruna Lima
Militares que aceitaram se reunir com o deputado do PSol do Rio de Janeiro Glauber Braga foram chamados de “comunistas” e “debilóides” por outros colegas de corporação. As ofensas foram publicadas no grupo de Facebook “Sociedade Militar”, composto na maioria por praças das Forças Armadas.
Os militares que aceitaram se reunir com Braga rebateram as ofensas fazendo questionamentos sobre o governo Bolsonaro. “O que Hélio Negão fez por nós?”, escreveu um integrante do grupo.
Braga, que defende os direitos de militares de baixa patente, convocou uma reunião com praças na próxima segunda-feira (25/4) para discutir planos e ações para a base das Forças Armadas em um eventual próximo mandato.
Guilherme Amado(METRÓPOLES)/montedo.com

Skip to content