Escolha uma Página

Jair Bolsonaro deve anunciar nos próximos dias o general Marco Antônio Freire Gomes como o novo comandante do Exército

Guilherme Amado
Jair Bolsonaro deve anunciar nos próximos dias o general Marco Antônio Freire Gomes como o novo comandante do Exército, substituindo o general Paulo Sérgio Nogueira, que deve se tornar ministro da Defesa, no lugar de Walter Braga Netto. O ministro deixará o cargo para ficar à disposição de Bolsonaro para se tornar vice na candidatura à reeleição do presidente.
Freire Gomes era o nome preferido há um ano para liderar o Exército, quando Bolsonaro demitiu Edson Pujol e os demais chefes das Forças Armadas, mas o general não pôde ser escolhido por não estar, à época, nem entre os três mais antigos, o que romperia uma tradição militar.
Agora, o presidente enxerga em Freire Gomes aquele que será menos resistente a suas ordens e menos empenhado em mostrar contrastes entre ele e o Exército.
Pujol fez isso diversas vezes, como a famosa ocasião em que não cumprimentou Bolsonaro e preferiu estender-lhe o cotovelo, respeitando as recomendações sanitárias contra a Covid. Paulo Sérgio também teve indisposições com o presidente, ao determinar a vacinação da tropa e recomendar que não fossem compartilhadas fake news.
Segundo Bolsonaro tem dito, Freire Gomes é, de fato, um bolsonarista. A ver se o general é mais leal à Constituição ou ao presidente que o nomeou.
METRÓPOLES/montedo.com

Skip to content