Escolha uma Página

Marinha abrirá inquérito sobre acidente que fez mulher perder o braço
A vítima caiu da lancha em que estava e foi atingida pela mesma embarcação.
Ela não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital

Saulo Araújo
Celimar de Meneses

A Marinha do Brasil irá abrir um inquérito para apurar um grave acidente náutico que deixou uma mulher de 36 anos em estado grave. A vítima, identificada como Deysivânia Costa do Rego de Paula, 36 anos, caiu da lancha em que estava e foi atingida pela mesma embarcação.
A ocorrência foi registrada na tarde deste sábado (29/1), perto da orla do Pontão do Lago Sul, no Lago Paranoá. Deysivânia foi levada para o Hospital de Base do DF (HBDF) no helicóptero do Corpo de Bombeiros.
Em nota enviada ao Metrópoles, a Marinha informou que realizou “apoio no socorro à tripulação e um inquérito será instaurado para apurar causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente”.
O condutor da lancha, Bruno Lopes de Sousa, foi submetido ao teste do bafômetro, que deu negativo. Ele foi conduzido à 10ª Delegacia de Polícia (Lago Sul), onde prestou depoimento.
Deysivânia não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada deste domingo (30/1).
METRÓPOLES/montedo.com

Skip to content