Escolha uma Página

O Exército confirmou o número de inscritos e a relação de candidato por vaga do concurso da Escola de Sargento das Armas.

Após ter recebido um número expressivo de candidaturas em 2019, a Escola de Sargento das Armas (ESA) teve um quantitativo de inscritos ainda mais relevante em 2020. São 136.264 candidatos confirmados que realizarão as provas em outubro.
O número já foi confirmado pelo Exército, que também divulgou a relação por sexo, área e de candidato por vaga. Como já esperado, a área geral/aviação foi a que reuniu a maior procura, veja:

Recentemente, foi divulgado o novo calendário anual do concurso ESA, com novas datas dos eventos complementares. Com isso, a primeira prova está confirmada para acontecer no dia 4 de outubro.
A ESA também já escolheu a banca organizadora que ficará responsável pela aplicação das provas e auxiliará o Comando do Exército no dia do exame. A empresa escolhida foi a Metrópoles Soluções Governamentais. O extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial da União.

Confira o novo calendário

Pedido de revisão das questões objetivas ⇒ 06/10 e 07/10
Resultado parcial das provas (faltando a revisão da redação) ⇒ 13/11
Entrega, na OMSE, dos documentos para análise de títulos (aprovados nas provas) ⇒ 16/11 e 17/11 (até 12h)
Pedido de revisão da redação ⇒ 16/11 e 17/11
Resultado final da redação ⇒ 23/11
Resultado final das provas (objetiva e redação) ⇒ 25/11
Envio, via SEDEX, dos documentos para a análise de títulos, diretamente para a Seção de Concurso da ESA (aprovados após revisão da redação) ⇒ até 26/11

Concurso ESA terá prova dividida em seis partes
A primeira prova do concurso poderá ser dividida em até seis partes. Ela é composta por provas escritas, sendo objetiva e discursiva. Os exames têm caráter eliminatório e classificatório. A divisão é de acordo com a função escolhida para concorrer, de acordo com a distribuição a seguir:

1ª parte – Prova de Matemática (12 questões para áreas Geral/Aviação e oito para as áreas Música/Saúde);
2ª parte – Prova de Português (12 e oitos questões, respectivamente);
3ª parte – Prova de História e Geografia do Brasil (12 e seis questões de cada disciplina para área Geral/Aviação e oito e quatro questões de cada disciplina para as áreas de Música/Saúde);
4ª parte – Prova de Inglês (quatro questões para área Geral/Aviação e quatro para as áreas de Música/Saúde);
5ª parte – Prova de Conhecimentos Específicos da área técnica de Enfermagem, na área de Saúde (12 questões) e Prova de Teoria Musical para a área de Música (12);
6ª parte – Prova de Português (questão única discursiva/redação).
Na primeira fase, para ser aprovado o candidato precisará obter, no mínimo, 50% de acertos do total das questões de cada uma das partes da prova, exceto a parte de Inglês, sendo necessário obter pelo menos 25% de acertos.

Os concorrentes habilitados serão convocados para os eventos complementares. Vale lembrar que esse percentual não engloba a Redação. Na prova discursiva, os candidatos precisam alcançar uma nota igual ou superior a cinco para ser considerado aprovado. As demais etapas serão:

– avaliação de títulos;
– exame de habilitação musical (para os candidatos da área de Música);
– investigação social;
– exame de aptidão física preliminar;
– revisão médica;
– exame de aptidão física definitivo;
– comprovação através da heteroidentificação, para os candidatos que se autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição.

Resumo do concurso ESA 2020

Órgão: Exército Brasileiro – Escola de Sargentos das Armas (ESA)
Cargo: sargento;
Áreas: geral/aviação; saúde e música
Vagas: 1.100 (ambos os sexos)
Prazo de inscrição: 19/02 a 18/03
Taxa: R$95
Salário: até R$5.049
Prova objetiva: 4 de outubro

FOLHA DIRIGIDA/montedo.com

Skip to content