Escolha uma Página

Coluna do Estadão
A crítica do general Santos Cruz tornou público o desconforto de um grupo militar (ainda pequeno, porém influente) com o isomorfismo cada vez maior entre as Forças Armadas e o governo Bolsonaro. A chegada de mais um fardado de alto escalão ao Planalto, o general Braga Netto, é simbólica deste momento. A ideia, segundo palacianos, é colocar o máximo de militares em cargos nos Estados. Santos Cruz vocalizou o temor de a “instituição” ser confundida com posições extremadas do presidente e ataques a outros Poderes, diz um interlocutor.
ESTADÃO/montedo.com

Skip to content