Escolha uma Página
PM faz operação em comunidade de Macaé, RJ, para recuperar fuzil vendido por sargento reformado do Exército
Militar e outros dois homens foram detidos neste domingo (5). Arma foi vendida na Nova Holanda, segundo a polícia.
Foto do fuzil vendido por sargento do Exército foi encontrada no celular de um dos homens detidos em Macaé (Foto: Divulgação/PM)
Foto do fuzil vendido por sargento do Exército foi encontrada no celular de um dos homens detidos em Macaé (Foto: Divulgação/PM)
Por Inter TV, Região dos Lagos
A Polícia Militar realiza nesta segunda-feira (6) uma operação na comunidade Nova Holanda, em Macaé (RJ), para recuperar um fuzil vendido por um sargento do Exército. O sargento e outros dois homens foram detidos pela PM na manhã deste domingo (5) quando saíam da comunidade.
Segundo a PM, durante a revista foram encontrados um revólver calibre 38 com oito munições intactas e uma pistola calibre 9 mm com 18 munições também intactas. No celular de um dos homens, os agentes encontraram uma foto do fuzil calibre 30 vendido.
Ainda de acordo com a PM, um dos suspeitos intermediou a compra da arma, trazida pelo sargento e o outro homem de Santo Antônio de Pádua, no Noroeste do estado.
Os policiais informaram também que eles se encontraram em Rio das Ostras e seguiram até Macaé para fazer a venda na comunidade Nova Holanda.
O caso foi encaminhado para a 128º DP, em Rio das Ostras.
No fim da manhã desta segunda, o Comando Militar do Leste esclareceu que o militar não está mais em serviço ativo; ele foi reformado na graduação de 3º sargento em 2014. Ainda segundo Seção de Comunicação Social do Comando Militar do Leste:
“O Exército Brasileiro repudia veementemente quaisquer atitudes e comportamentos não condizentes com as leis, normas e valores da sociedade”.
G1/montedo.com
Skip to content