Escolha uma Página
Cabo do Exército compara Baenão com cemitério e acaba preso (Foto: Reprodução / Facebook)
Cabo do Exército tirou brincadeira com o estádio do Remo, que serviu para receber comitiva do presidente da República, em Belém. (Foto: Reprodução / Facebook)
Belém (PA) – Em meio a visita do presidente Michel Temer a capital paraense, um fato envolvendo um cabo do Exército Brasileiro revoltou torcedores do Clube do Remo nas redes sociais.
Membro do Exército Brasileiro, o cabo Mikaell Henrique Juca Costa resolveu “tirar onda” no instagram e no facebook sobre a situação do clube e do estádio Evandro Almeida, de propriedade do clube azulino, que serviu de pouso da comitiva presidencial, nesta quinta-feira (5).
Com gestos obscenos e posts ofensivos, o soldado publicou nas redes sociais o local, ao comparar o estádio com um cemitério.
A atitude do cabo revoltou os torcedores do clube, com diversos comentários em uma rede social.
Por meio de nota, o Exército Brasileiro informou que já foram tomadas providências disciplinares e cabíveis sobre o assunto, com o cabo sendo detido em um quartel do órgão.
O Exército ainda confirmou que houve um contato com a presidência do Clube do Remo sobre o assunto.
DOL/montedo.com
Skip to content