Escolha uma Página



Ministro responde à Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado

O ministro da Defesa, Aldo Rebelo, recebeu, hoje, ofício do presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado, Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), com requerimento de informações relacionado a declarações atribuídas ao comandante militar do Sul, general Antônio Hamilton Martins Mourão. O senador solicitou respostas às seguintes perguntas:
“1- as declarações atribuídas ao Comandante do Comando Militar do Sul, no artigo, são verdadeiras?
2- se foram, é atribuição de Comandante Militar incitar a tropa com afirmações: “Eles que venham”?
3 – em outra cerimônia militar, celebração do 31 de março de 1964, o Comandante Militar do Sul diante de oficiais da reserva, segundo a matéria, celebrou o impedimento de que o país caísse “nas mãos da escória moral que, anos depois, o povo brasileiro resolveu por bem colocar no poder”. Isso aconteceu?
4 – qual a postura do Ministério da Defesa em relação a estas declarações?
5 – há previsão nos procedimentos éticos das Forças para coibir manifestações que comprometam a ordem democrática?”
Em resposta encaminhada, também na tarde de hoje, o ministro Aldo Rebelo informou ao senador que determinou ao Comando do Exército que tomasse as providências, com brevidade e o rigor que o caso requer, para apurar os fatos relacionados aos questionamentos apresentados no requerimento, e que adotasse as medidas necessárias, visando a assegurar que o Exército Brasileiro continue a se pautar no estrito cumprimento de sua missão constitucional e a transitar no seio da Nação com elevada credibilidade que a sociedade confere as suas Forças Armadas.

Leia também

Após pedir ‘despertar de luta patriótica’, general Mourão é exonerado e vai comandar uma escrivaninha

Na semana passada, o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, antecipou ao ministro Aldo Rebelo que tomaria as providências, o que foi tornado público nesta quinta-feira (Informex no 36). O general Villas Bôas formalizou a transferência do general Antonio Hamilton Martins Mourão do Comando Militar do Sul para Brasília. O novo comandante Militar do Sul será o general Edson Leal Pujol, ex-comandante das tropas no Haiti.
DEFESA/montedo.com
Skip to content