Escolha uma Página
Publicado originalmente em 29 de Junho



O Comando Militar do Sudeste, que abrange todas as unidades do Exército do estado de São Paulo, determinou a adoção de uma dieta espartana na alimentação dos militares. Sob o título “Austeridade na alimentação da tropa”, um documento datado de 11 de junho estabelece que a tropa receba apenas “uma opção de proteína animal (carne bovina, carne suína, frango ou peixe) e apenas uma opção de carboidrato simples (arroz ou macarrão)”.

Segundo o documento, as medidas visam, também, contribuir “para reduzir despesas com consumo de água, energia elétrica, material de limpeza e outras”.
Skip to content