Escolha uma Página
Para general, Exército pode deixar PE antes do previsto
Operação foi criada por causa de crimes durante a greve da Polícia Militar na semana passada
Delegacia recebe mercadorias que foram saqueadas durante a greve da Polícia Militar em Pernambuco Carlos Ezequiel Vannoni/19.05.2014/Fotoarena/Estadão Conteúdo
Agência Estado
O comandante da 7ª Região Militar, general Jesus Correia, afirmou na segunda-feira (19), que a Operação Pernambuco — criada para fazer frente à greve da Polícia Militar, em parceria com a Força Nacional de Segurança e Exército — poderá ser encerrada antes do prazo inicialmente previsto, dia 29 de maio. Em sua avaliação, as condições de segurança já foram restabelecidas no Estado, depois da greve dos policiais e bombeiros militares nos dias 14 e 15.
Segundo o general, “muito em breve” será feita outra avaliação para se verificar a necessidade da atuação das Forças Armadas no Estado. O secretário estadual de Defesa Social, Alessandro Carvalho, reforçou “o retorno da normalidade da segurança no Estado”. Leia mais.
R7/montedo.com
Skip to content