Escolha uma Página
“Sabe-se que as organizações que vivem à olhar sob seus próprios ombros, não se dão conta do trem que avança no sentido contrário. No palco da vida, a cortina ergue-se todos os dias.”
General Enzo Peri, comandante do Exército

O Comandante do Exército, General Enzo Peri, deu mais um passo institucional de alinhamento ao processo gramcista de releitura da história. Primeiro, a Intentona Comunista virou só um verbete perdido em algum empoeirado livro escolar. Depois, o 31 de março de 1964 foi apagado da história oficial do Exército. Agora, o recado é para os oficiais da reserva, que esbravejam em reuniões dos Clubes Militares, na internet ou em artigos de jornal: o trem vai em sentido contrário.
Resumindo: ‘Tá tudo dominado!”
“Estivemos presentes na manutenção da unidade nacional…
na demarcação definitiva de nossas fronteiras…
na Independência da colônia…
no fim da escravidão…
na Proclamação da República…
na preservação da integridade do território brasileiro…
no esforço pela preservação da paz mundial …

                                          

na proteção da nossa gente, vitimada por desastres naturais.”

Aqui, a íntegra da fala do Comandante do Exército

Skip to content