Escolha uma Página
Segundo informação da jornalista Tahiane Stochero, do G1, o general Augusto Heleno não está filiado  a nenhum partido político. 
Portanto, está impedido legalmente de ser candidato a qualquer cargo nas próximas eleições. O prazo final para a filiação dos futuros candidatos encerrou em 5 de outubro do ano passado. 
Por estar na reserva, o general não goza da prerrogativa concedida aos militares da ativa, dispensados de filiação partidária, aos quais basta a indicação em convenção para que possam concorrer.
Skip to content