Escolha uma Página
Soldados da Borracha agora têm atendimento médico realizado pelo hospital militar
Quarta-feira dia 06 de fevereiro de 2013, essa pode ser considerada uma data histórica para a categoria dos Soldados da Borracha e seringueiros ainda vivos que foram recrutados pelo Estado Brasileiro no início dos anos 40 para trabalharem no esforço de guerra da nação, extraindo borracha na Amazônia ( Batalha da Borracha).
Uma importante reunião no mês de dezembro de 2013 fora realizada nas dependências da 17ª Brigada e Infantaria de Selva, entre o vice-presidente do Sindicato dos Soldados da Borracha ( George Telles), o deputado federal Carlos Magno e o General Poty. Com pauta única, a discussão girou em torno de uma solicitação feita pelo representante da categoria e o deputado federal Carlos Magno, para o atendimento médico aos Soldados da Borracha e esposas, pelo Hospital Militar da Guarnição em Porto Velho/RO, o pedido foi aceito pelo comando da 17ª Brigada.
A partir do mês de fevereiro vigente os filiados( Soldados da Borracha) ao sindicato já poderão ser atendidos pelos serviços médicos prestados pelos militares. Hoje quinta-feira dia 06, o secretário de saúde do município de Porto Velho Domingos Sávio firmou parceria com o sindicato e Hospital Militar para que a prefeitura atenda os serviços de exames ambulatoriais, participaram dessa reunião George Telles vice-presidente da entidade, o próprio secretário e o Tenente Coronel Franco do hospital da guarnição, assim os atendimentos médicos ficarão a cargo da responsabilidade dos militares, enquanto os exames ambulatoriais e outros na tutela do município.

Leia também:
“SOLDADOS DA BORRACHA”: OS HERÓIS ESQUECIDOS!

Com a nova notícia o presidente do sindicato José Romão, o vice George Telles, e membros da categoria comemoraram essa vitória para a classe tanto esperada. Segundo George Telles, quando os Soldados da Borracha foram recrutados o governo de Getúlio Vargas prometera apoio e assistência médica aos trabalhadores, mas isso nunca aconteceu, apesar de tardia essa promessa está se concretizando pelo menos aqui em Rondônia no momento, finalizou. Está em andamento uma discussão em Brasília para criação de um convênio de atendimento médico a toda categoria nos quatros estados da Região Norte ( Rondônia, Pará, Acre e Amazonas), isso está sendo articulado pelo sindicato e deputado federal Carlos Magno PP/RO.
Rondoniaovivo/montedo.com

Comento:
Qualquer país decente se envergonharia de tratar assim pessoas que deram tanto por sua Pátria.
Skip to content