Escolha uma Página
Soldado do 25º BC confessa que matou motoqueiro por ciúmes

Polícia confirma que acusado se apresentou na Delegacia de Homicídios e foi liberado após prestar depoimento.

Caroline Oliveira e Fábio Lima
[email protected]
Teresina (PI) – O acusado de assassinar um motoqueiro no conjunto Morada Nova, na zona Sul, na última segunda-feira (6) se apresentou espontaneamente no dia seguinte na Delegacia de Homicídios, que fica a poucos metros do local do crime. Soldado do 25º Batalhão de Caçadores do Exército (25 BC), Adroaldo Assis Rodrigues Neto, 19 anos, foi liberado após prestar depoimento.
De acordo com o delegado Francisco Costa, o Baretta, Adroaldo foi a delegacia acompanhado de advogado e confessou ter atirado contra Joniel Campelo de Sousa no final da tarde da última segunda-feira, na avenida principal do Morada Nova.
Joniel estava de moto e foi seguido por um Gol prata de placa EPQ-7781. O carro foi abandonado na avenida Valter Alencar, Monte Castelo, com um pneu estourado. Papiloscopistas da perícia fizeram exames nas impressões digitais.
O delegado Bareta foi em busca da placa do carro e descobriu que ela estava no nome de uma pessoa residente em Valença do Piauí. O proprietário explicou que já tinha vendido o veículo, que em Teresina estava no terceiro comprador. Segundo a polícia, o novo dono do carro é pai de Adroaldo.
Segundo o delegado, o soldado do Exército alegou que o crime foi motivado por razões passionais. Adroaldo estaria convivendo com uma mulher que namorou a vítima. Os dois teriam se encontrado na rua e Joniel teria feito gestos de que iria matá-lo.
Baretta vai comunicar o fato ao 25º BC e pedir a prisão preventiva do acusado. Ele ainda investiga outras hipóteses do crime, uma vez que quatro testemunhas foram ouvidas e narram que o acusado teria batido com o carro na moto e, além de disparar contra o veículo, teria atirado na vítima já caída.
Joniel, que a polícia suspeita ter se envolvido com drogas, foi atingido nas costas e no rosto.

cidadeverde-montedo.com

Skip to content