Escolha uma Página
Tadeu Zanoiski comanda o Salão Loyd Barbearia, tradicional ponto pertinho dos quartéis da 
Avenida Erasto Gaertner
Tradição de família: como o pai, o sargento Fabrício corta o cabelo com Tadeu há 17 anos
(Foto: Marco André Lima)
Num pequeno beco localizado no número 400 da Avenida Erasto Gaertner, no Bacacheri, está situado o Salão Loyd Barbearia, o mais antigo de toda a região. Trata-se do tradicional ponto de encontro de oficiais do 27.° Batalhão Logístico do Exército Brasileiro e do Cindacta II, que há 50 anos mantém seus penteados militares em dia no local. No comando do estabelecimento há duas décadas está o barbeiro Tadeu Zanoiski, de 70 anos, que conhece como ninguém a atividade e sua fiel clientela.
“Muita gente pergunta se o movimento diminuiu nos últimos anos com esse monte de salão que andam abrindo por aí. Eu responde que não. Sabe por quê? Porque esse pessoal novo não sabe usar a máquina e fazer o penteado militar, que nunca saiu de moda. Então, por isso nosso trabalho aqui nunca parou”, explica o barbeiro dos militares.
Tadeu é de Canoinhas, região norte de Santa Catarina, e chegou à Curitiba no ano de 1958. Logo de cara conseguiu emprego nas empresas da cidade. Em 1965, após ler um anúncio no jornal, foi até o Cindacta II para conseguir trabalho. E conseguiu. Foi contratado com taifeiro, mas atuou durante três décadas na barbearia do quartel. “Ali que eu aprendi tudo e me transformei no que eu sou. Depois de me aposentar, em 1994, fui parar no Loyd, onde estou até hoje”, conta.
Tadeu Zanoiski comanda o Salão Loyd Barbearia, tradicional ponto pertinho dos quartéis da Avenida Erasto Gaertner. Foto: Marco Andre Lima
Tadeu Zanoiski e a barbearia Loyd (Foto: Marco André Lima)
Mesmo deixando as dependências do Cindacta II, Tadeu manteve como base de sua clientela oficiais que atuam nos dois grandes centros militares da região. “Conheci muita gente nesses 30 anos atuando no serviço militar e mesmo depois que me aposentei, o pessoal veio me procurar aqui no Salão Loyd. São clientes antigos, que até saem para servir em outros estados, ficam 15 anos fora e acabam voltando para cortar cabelo aqui comigo. Essa fidelidade por partes dos cliente é que me deixa orgulhoso”, diz.
Fabrício Vidal Guimarães, sargento do 27.° Blog, é um dos fiéis clientes. Ele corta o cabelo no Salão Loyd há 17 anos. “Meu pai já cortava com o Tadeu e a coisa andou de maneira natural e comecei a cortar cabelo com ele também. Ele já um amigo, como alguém da família, e é sempre bom ir cortar cabelo com ele, porque ele já conhece o corte e não há riscos”, diz Fabrício
“É um prazer muito grande fazer parte da vida dos nossos clientes há tantos anos. E vou continuar com minha atividade até a saúde permitir. Não penso em parar. Vou seguir meu trabalho por aqui”, conclui Tadeu.
CAÇADORES DE NOTÍCIAS/montedo.com
Skip to content