Escolha uma Página
MPF pede interdição de posto de quartel em Campinas
RICARDO BRANDT
O Ministério Público Federal pediu à Justiça Federal que determine a imediata interdição do posto de combustível que funciona dentro do 2º Batalhão Logístico Leve (BLE) do Exército, na Fazenda Chapadão, em Campinas (SP), e determine que a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) fiscalize todos os demais postos do Exército na cidade para saber se eles estão regulares.
O posto dentro do 2º BLE funciona sem licenciamento ambiental e, em 2009, registrou um vazamento de aproximadamente 8 mil litros de óleo diesel, que contaminaram o solo e o lençol freático da região. A ação também pede, em liminar, que os tanques de combustíveis do posto sejam esvaziados, com o objetivo de ‘evitar uma eventual maximização dos danos causados até o momento’.
Agência Estado/montedo.com
Skip to content