Escolha uma Página
Depósito continha principalmente granadas de mão.
Forças Armadas descartam sabotagem ou ataque terrorista.
Fogo em paiol iluminou a região de Afyonkarahisar. (Foto: AP Photo)
Da EFE
Pelo menos 25 soldados morreram e outras nove pessoas ficaram feridos na explosão de um depósito de munição ocorrida na noite de quarta-feira (5) em Afyonkarahisar, cidade no centro da Turquia, informou nesta quinta-feira (6) o Estado-Maior das Forças Armadas turcas.
O comunicado atribui a explosão a “causas ainda desconhecidas”, enquanto as autoridades da cidade declararam à emissora “NTV” que se tratava de um acidente, “não de sabotagem nem de um ataque terrorista”.
A explosão aconteceu em um depósito de munição situado na periferia de Afyonkarahisar e provocou um incêndio que foi extinto quatro horas mais tarde.
Segundo explicou o prefeito da cidade, Burhanettin Çoban, ao canal “CNNTürk”, cerca de 20 militares trabalhavam há cinco dias no depósito, que continha principalmente granadas de mão.
O ministro do Meio Ambiente, Veysel Eroglu, que é também deputado de Afyonkarahisar, explicou à CNNTürk que “uma granada explodiu por acidente”.
Eroglu reiterou que não se tratava de um ataque terrorista, embora a causa só será estabelecida de forma definitiva após uma investigação formal.
G1/montedo.com
Skip to content