Escolha uma Página
FORÇAS ARMADAS
Perpétua defende fronteiras na Escola de Comando do Estado-Maior do Exército

Assem Neto
A deputada Perpétua Almeida (PCdoB/AC), presidenta da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, reafirmou a importância do monitoramento das faixas de fronteira. O comentário foi feito durante palestra da deputada a 400 alunos da Escola do Comando do Estado Maior do Exército, no Rio de Janeiro, na manhã desta quinta-feira (14).
Deputada Perpétua com o general José Sérgio chegam para palestra a alunos do Estado-Maior
A presidenta da CREDN, recebida pelo general José Sérgio em seu gabinete, defendeu uma divisão necessária dos royalties do petróleo com as Forças Armadas, visando o reaparelhamento das três forças, e destacou que “somente com a presença efetiva do Exército a defesa estará garantida”.
A escola, localizada na Praia Vermelha, tem como missão preparar oficiais superiores para o exercício de funções do estado-maior, comando, chefia, direção e de assessoramento aos mais elevados escalões da forca terrestre.
A deputada debateu com os alunos o atual cenário político e as forcas armadas. Outro ponto de destaque é a avaliação da deputada como presidenta da CREDN sobre a política de Defesa Nacional. A finalidade é permitir aos oficiais alunos do segundo ano do curso uma avaliação da política nacional e internacional e seus reflexos no setor de Defesa.
Entre os temas tratados, Perpétua destacou o posicionamento do Brasil no contexto internacional de defesa, especialmente na América do Sul; e papel da Nação para garantir a segurança do subcontinente
Atribuições – Ao explicar as atribuições da CREDN aos militares, a presidenta da comissão enfatizou que “o parlamento não tem soluções milagrosas para um possível aporte no orçamento das Forças Armadas”. Porém, a deputada reiterou a preocupação da presidenta Dilma Roussef com a questão, sendo este um bom caminho para que o Legislativo esteja em sintonia com as necessidades do país.
“Esta afinidade entre Executivo e Legislativo é essencial para construirmos as forças armadas cada vez mais fortes”, disse Perpétua Almeida em sua palestra.

Fronteiras
Perpétua Almeida disse que a Câmara dos Deputados busca, por intermédio da CREDN, aprimorar as relações com países vizinhos e encontrar soluções comuns com as 10 nações que fazem fronteira com o Brasil na América do Sul.
“Acredito que os temas que nos unem aos vizinhos são maiores que as divergências. Precisamos unir esforços para ampliar nossas experiências humanitárias nestas regiões”, afirmou, ao defender o aumento das tropas de paz no mundo – o que será possível com mais investimentos nas forcas armadas.
“As boas práticas humanitárias devem ser melhor divulgadas. Creio que meu pensamento esta em sintonia com o governo da presidente Dilma”, finalizou a presidenta da comissão.
Assessoria de Comunicação
Liderança do PCdoB/montedo.com

Skip to content