Escolha uma Página
Revolta velada na caserna
Leandro Mazzini
O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), conhecido pelas declarações polêmicas, lidera a grita da caserna por melhores soldos e vai reforçar a artilharia contra a presidente Dilma Rousseff. Diz que os militares estão descontentes e cobram dela compromisso de reposição salarial de 7%. Na campanha, o comitê petista enviou carta da presidente às Forças Armadas garantindo ajuda, mas nada até agora. Capitão reformado do Exército, Bolsonaro nega que haverá motim como na PM. “Os militares são disciplinados”.
Coluna Esplanada/montedo.com
Skip to content