Escolha uma Página
Militares brigam por causa de som alto

ANA ADÉLIA JÁCOMO
Uma situação inusitada fez com que pai e filho fossem detidos por desacato a autoridade e resistência a prisão. Leonam Sanders de Souza tem apenas 19 anos. Ele é soldado do exército brasileiro e, na sexta-feira, decidiu comemorar seu aniversário em sua residência, no bairro São Mateus, em Cuiabá.
O som alto e o barulho incomodaram a vizinhança, que acionou o Disk Silêncio. Os ficais se dirigiram até a casa da família e apreenderam os aparelhos de som e confeccionaram o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Devido à resistência apresentada pelo proprietário da casa, Manoel Olegário de Souza Neto, pai do militar, foi necessário pedir apoio policial para cumprir a lei.
Após realizado o procedimento, a PM voltou ao Cisc Planalto para registrar o boletim de ocorrência. Para surpresa da guarnição, Leonam e Manoel foram até a delegacia para tomar satisfações dos policias. Eles teriam agredido os PMs com ameaças e até empurrões. Visando evitar maiores desentendimentos, os policiais entraram na viatura e foram embora. Pai e filho ficaram indignados e saíram em perseguição do carro oficial, buzinando atrás do veículo, causando constrangimento e transtorno no retorno à delegacia. Os dois acabaram presos em flagrante e algemados por resistência a prisão e desacata a autoridade.
Skip to content