Escolha uma Página
Na cerimônia de imposição da Ordem do Mérito da Defesa, presidenta defende reequipamento das Forças Armadas articulado com política industrial
Presidenta Dilma participa da cerimônia de imposição da Ordem do Mérito da Defesa na Base Aérea de Brasília. Foto: Roberto Stuckert FIlho/PR
Na mensagem transmitida durante a cerimônia de imposição da Ordem do Mérito da Defesa, a presidenta Dilma Rousseff defendeu o reequipamento das Forças Armadas articulado com a política industrial do país. Segundo ela, a defesa nacional deve ser pensada, planejada e executada de maneira sistêmica.
“O robustecimento da indústria de defesa nacional e o domínio de tecnologias críticas por empresas brasileiras serão decisivos para que nossas forças armadas disponham de equipamentos e tecnologias compatíveis com suas funções de garantia da democracia e da soberania do nosso país. Mas serão também fundamentais para elevar a capacidade inovativa e a competitividade da nossa indústria, contribuindo para a continuidade de nosso crescimento econômico.”
No total, 270 personalidades civis e militares e oito instituições foram agraciadas com a Ordem do Mértito, considerada a mais importante condecoração concedida pelo Ministério da Defesa. A outorga da medalha tem como finalidade premiar civis e militares, brasileiros ou estrangeiros, que tenham se destacado em sua profissão, e ainda organizações militares e instituições civis que tenham prestado relevantes serviços ao país.
Blog do Planalto/montedo.com
Skip to content