Escolha uma Página

Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima
Passageiros e droga foram levados para a delegacia da PF em Epitaciolândia.

Uma barreira montada pelo Exercito Brasileiro na BR 317, km 2, sentido Epitaciolândia/Rio Branco, capital distante cerca de 240 km da fronteira. Obteve êxito em deter 6.150g de cloridrato de cocaína no início da noite desta quarta-feira, dia 5.
A blitz de rotina do Exercito, vem acontecendo a dias em vários pontos da fronteira sem locais e horas definidos para que exerçam o trabalho surpresa contra o crime. Fato esse que, em pouco mais de 48 horas, duas apreensões foram bem sucedidas.
A apreensão da droga, aconteceu quando pararam o ônibus da empresa Real Norte que fez o trajeto entre a fronteira e a Capital no horário noturno. Ao fazer a vistoria de rotina, perceberam que haviam algo de estranho dentro lixeiro no banheiro do veículo.
Encontraram seis ‘tijolos’ de cloridrato de cocaína que seria pego na Capital, destino final do veículo. Sem a identificação do ‘proprietário’, todos os passageiros foram levados até a delegacia de Polícia Federal na cidade de Epitaciolândia.
Além dos funcionários, todos seriam interrogados na tentativa de identificar o ‘dono’ da droga. Caso se descubra, o mesmo responderá por tráfico internacional de entorpecentes podendo amargar cerca de 20 anos na penitenciária estadual, na Capital.
Skip to content