Escolha uma Página
Informações ainda não confirmadas de que índios canibais podem ter sidos mortos na fronteira com o Peru


Exibir mapa ampliado

Tribos indígenas localizadas dentro de reserva no seringal Icuriã, distante cerca de cinco dias da cidade de Assis Brasil, na fronteira com o Peru, está envolta em mistérios e podem ter registros de algumas mortes.
Segundo foi apurado durante todo o dia deste domingo, dia 10, tribos da etnia Kaxinawá teriam entrado em confronto com outra não identificada que moram isolados naquela região e que praticam o canibalismo.
Estes estariam atacando as tribos sem motivos aparentes nos últimos dias. Cansados e revoltados, os kaxinawás teriam revidado e matado numa espécie de tocaia alguns dos canibais.
Esse boato teria chegado em algumas colônias que por suas vez, na cidade de Assis Brasil. Moradores teriam visto um grande movimento de policiais da Força Nacional e Exército Brasileiro em ramais de acesso à localidade.
Em busca de informações, ninguém sabia ou se fazia de surdo. Mas, uma fonte confirmou que havia acontecido uma invasão de ‘índios brabos’ por dentro da selva amazônica fazendo com que acontecesse um confronto.
Ainda não se tem confirmação de mortes e de quantos. Importante lembrar que, a área em questão, faz fronteira com o Peru, parte ainda remota da selva acreana e pode existir tribos desconhecida naquela área.
O ALTO ACRE
Skip to content