Escolha uma Página
Aventura na selva com o X Terra
Loucos por aventura, pelo menos 50 atletas estrangeiros participarão da prova em Manaus
NATHÁLIA SILVEIRA
Atleta no X Terra (Divulgação)

Desde as 3h de hoje, 200 brasileiros, 50 militares e 50 estrangeiros estão na concentração na Base de Instrução 4 (BI-4), no Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), conhecido como quadrado maldito, para participar da etapa mundial do X Terra. No tradicional triathlon cross country os atletas estarão disputando 35 vagas para a etapa do Global Tour, que acontece em outubro, no Havaí. A prova, que começa às 8h, terá 1,5 km de natação (no Igarapé Mainã), 30 km de mountain bike e 9 km de corrida, em formato de revezamento. “O segredo para se sair bem é nadar com calma.

A temperatura da água é alta e tal característica provoca a fadiga muscular em uma velocidade maior comparado a um local de temperatura mais baixa. Não adianta largar nadando muito rápido. Já nadei no Rio Negro, com 30 graus, essa experiência que tive vai me ajudar bastante”, afirma Luiz Lima, pentacampeão da Travessia dos Fortes e tricampeão da Travessia dos Bravos. No meio dessa aventura, até as crianças poderão brigar pelo pódio ao participar da Kids Running, às 16h, no CIGS. O percurso da prova será dividido por faixa etária e os pais poderão correr ao lado das crianças até 4 anos. E quem ainda não tem fôlego para correr, nadar e e pedalar em plena selva amazônica, ainda poderá brigar no Night Trail Run, que acontece no na Base de Instrução 5 do CIGS, , às 19h. A prova consiste em uma corrida noturna em trilha. O percurso será opcional aos participantes: 5 km ou 10 km.
Leia também:

TRIATLETAS RECEBERÃO TREINAMENTO NO CIGS

Skip to content