Escolha uma Página
O soldado da aeronáutica Izael Miranda Canavieira, 21 anos, foi preso na manhã de ontem portando uma arma cartucheira calibre 12. Ele, acompanhado de um adolescente de 17 anos, foi abordados por Policiais Militares após ter tentado fugir de uma viatura da Rotam, no momento que cruzava as avenidas Augusto Montenegro e Dalcídio Jurandir, em direção ao distrito de Icoaraci.
Enquanto uma guarnição da 22ª Zpol observava o fluxo de veículos na avenida Augusto Montenegro, segundo o Cabo PM Alexandre Silva, os dois perceberam que uma viatura da Rotam parou dois homens em uma moto para revistá-los. Neste momento, Izael Miranda Canavieira percebeu a ação policial e desviou bruscamente o caminho.
“Ao perceber a viatura da Rotam, eles tentaram fugir entrando numa rua antes de cruzar a avenida Dalcídio Jurandir. Então partimos em perseguição até alcançá-los e identificar o porte ilegal de arma.”
CARTUCHEIRA
Segundo o soldado, Izael Miranda Canavieira portava uma cartucheira calibre 12, que estava em sua mochila, e foi adquirida com um primo que mora em Vigia, nordeste do Pará.
“Quando fomos abordados, estávamos em direção a Icoaraci, para atravessar de barco e caçar animais na ilha da Romana. Tentei fugir da polícia, por medo de ser preso com a arma, pois sabia que era ilegal o porte”.
Izael Miranda foi conduzido à Seccional Urbana da Marambaia, onde foi instaurado inquérito por porte ilegal de arma, presidido pelo delegado Éder Bentes.
Será enviado um ofício ao 1ª Comando da Aeronáutica para que sejam feitos os procedimentos militares sobre o caso. Já o adolescente, foi encaminhado a Divisão de Atendimento ao Adolescente (Data), da Polícia Civil, onde receberá os encaminhamentos necessários para que volte ao convívio social. (Diário do Pará).
DIÁRIO DO PARÁ
Skip to content