Escolha uma Página
Operação Pipa terá mudanças em Alagoas
Executada pelo 59ª Batalhão de Infantaria Motorizado, a Operação Pipa, que atende a municípios do Semi-árido e Sertão pode ser ampliada em Alagoas. O anúncio foi feito pelo comandante Pinto Sampaio durante reunião com prefeitos, na sede da AMA. A mudança será feita depois de um mapeamento de todas as comunidades beneficiadas e que tenham condições técnicas para receber água potável.
A Operação também vai passar por uma avaliação entre os prefeitos, presidentes de Comissões Municipais de Defesa Civil e representantes do Exército em reuniões setoriais que devem acontecer logo depois do carnaval. A idéia é fazer um balanço da operação e traçar um planejamento baseado em conceitos de gestão para avançar com as ações.A definição de três zonas de necessidade para atendimento de acordo com a demanda é uma das propostas do comandante a ser discutida.
Essa avaliação para melhores práticas de atendimento foi elogiada pelos prefeitos e representantes presentes. A prefeita de Santana do Ipanema, Renilde Bulhões, que coordenou a reunião ,entende como fundamental a proposta e sugeriu a ampliação da estratégia para uma política multidisciplinar envolvendo outras secretarias e a população.
Em Alagoas, o Exército tem 170 caminhões abastecendo a zona rural do Sertão e Semi-árido, número ainda insuficiente, e que é complementado pelos prefeitos.
PRIMEIRA EDIÇÃO
Skip to content