Escolha uma Página
O Ministério Público Militar criou uma força-tarefa para dar apoio às Forças Armadas que estão na Vila Cruzeiro, na Penha, e no Complexo do Alemão, em Olaria. Os procuradores Marcelo Barreto e Antônio Antero dos Santos, e o promotor Otávio Bravo se encontram de prontidão, caso seja necessário expedir algum mandado de prisão em flagrante. Segundo a Procuradoria de Justiça Militar, eles foram acionados pelo Exército. Se houver algum caso que se enquadre na legislação militar, o Ministério Público Militar poderá atuar.
Os militares foram acionados para controlar os acessos às favelas, respaldados pela diretriz ministerial do Ministério da Defesa de número 14/2010 de 25 de novembro deste ano, criada especialmente para esta ação nos morros do Rio, para garantia da lei e da ordem.
O GLOBO
Skip to content