Escolha uma Página
O responsável pelos disparos contra o Sargento do Exército Eduardo Simão de Matos, falecido ontem, apresentou-se à Polícia de Cruz Alta nesta manhã, acompanhado de um advogado. 
O indivíduo, de 18 anos, alegou ter atirado em legítima defesa,  por ter sido agredido pelo militar, após desentendimento no bailão onde ambos se encontravam.
Como não hove flagrante, o homem foi liberado e responderá o processo em liberdade.
Leia também:
SARGENTO É BALEADO NA SAÍDA DE BAILÃO NO RS
MORRE O SARGENTO DO EXÉRCITO BALEADO EM SAÍDA DE BAILÃO EM CRUZ ALTA

Nota do editor(17/3):
Aos leitores do blog, particularmente aos amigos do Sargento Eduardo:
– Devido a responsabilidade (moral e legal) que tenho como editor deste blog, tenho recusado alguns comentários que carregam juízo de valor, comentários ofensivos e acusações que só poderão ser comprovadas (ou não) durante o inquérito policial. Peço a compreensão de todos e a moderação nos termos dos comentários, para que todos possam ser publicados.
– Infelizmente, as notícias sobre o caso na imprensa de Cruz Alta são restritas, o que dificulta a busca de novas informações. Pelo interesse que o assunto despertou, creio que o blog é o único espaço na web a veicular o assunto. Mesmo diante dessa dificuldade, continuarei postando notícias atualizadas, assim que as obtiver.

Skip to content