Escolha uma Página
O Coronel Salomão Kiermes Tavares, ex-Comandante e Ordenador de Despesas do 5º Batalhão de Engenharia e Construção (5º BEC), sediado em Porto Velho Rondônia, foi condenaodo  pelo Tribunal de Contas da União a devolver aos cofres públicos R$ 118.633,20 pela  venda de  material sem a comprovação da destinação ou aplicação da quantia.
O relatório do TCU aponta outras irregularidades, como falta de controle de materiais adquiridos e inobservância de procedimentos para licitações e contratos.
Tavares terá de pagar multa de R$ 5 mil em 15 dias. A decisão é passível de recurso.
Skip to content