Escolha uma Página
O Rafale foi descartado pelo Ministério da Defesa da India em uma concorência para compra de jatos de combate, em abril de 2009.
Alto custo e deficiências técnicas em relação aos demais competidores, entre eles o Grippen e o F-18, foram os fatores que determinaram a desqualificação do caça francês, ainda numa fase preliminar.
O [pequeno] detalhe é que os aviões foram oferecidos aos indianos ao custo unitário de 80 milhões de dólares, enquanto Nosso Guia quer comprá-los por 126 milhões de dólares cada.
È muito estranho, ou talvez, nem tanto. Confira aqui a notícia, em inglês.
Skip to content