O comandante militar que vai substituir Múcio na Defesa durante viagem

Almirante Olsen

 

Múcio, ministro da Defesa, vai ao Chile no começo de abril e será substituído por seis dias por um dos comandantes das Forças ArmadasJoão Pedroso de Campos
Com viagem marcada para Santiago, no Chile, no começo de abril, o ministro da Defesa, José Múcio Monteiro, designou o comandante de uma das Forças Armadas para substituí-lo no cargo enquanto estiver fora do país.

O almirante Marcos Sampaio Olsen, comandante da Marinha, ficará à frente da pasta entre os dias 6 e 11 de abril, quando Múcio estará em terras chilenas. A designação de Olsen foi publicada nesta segunda-feira (25/3) no Diário Oficial da União, baseada em uma portaria do Ministério da Defesa que prevê a substituição do ministro da pasta quando ausente.

O texto prevê que se alternem na função, nessa ordem, os comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica.

No comando da Marinha, o almirante Olsen sucedeu o também almirante Almir Garnier, que fez questão de não lhe transmitir o cargo. Segundo depoimentos do general Freire Gomes e do tenente-brigadeiro Baptista Júnior à Polícia Federal, ex-comandantes do Exército e da Força Aérea, Garnier foi o único comandante militar disposto a embarcar na aventura golpista do governo Bolsonaro.

METRÓPOLES

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo