Escolha uma Página

Presidente do STF, Luiz Fux quer passar o feriado acompanhando ao proteção ao tribunal

Guilherme Amado
O presidente do Supremo, Luiz Fux, decidiu que não irá ao desfile militar do 7 de setembro na Esplanada dos Ministérios. Não que seja algo em relação a Jair Bolsonaro especificamente.
Fux quer passar o dia acompanhando a proteção do Supremo de dentro do tribunal, como fez em 2021.
Na avaliação dos ministros da corte, neste ano a ameaça à integridade física do Supremo será menor do que no ano passado, devido ao desfile militar, que deve canalizar a energia de bolsonaristas que, em 2021, enfileiravam-se contra o tribunal.
METRÓPOLES/montedo.com

Skip to content