Escolha uma Página

Na imagem, tirada de uma foto de jornal, o chefe do Executivo aparece deitado numa maca, flores nas mãos, simbolizando sua morte

Cristiane Noberto
O ministro de Segurança Institucional da Presidência da República, General Augusto Heleno, instou, nesta quinta-feira (6/10), o Judiciário a tomar “providências” sobre uma foto ironizada do presidente Jair Bolsonaro (PL) na internet.
Na imagem tirada de uma foto de jornal, compartilhada primeiro pelo filho 03, deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), o chefe do Executivo aparece deitado na maca que passou os últimos dias por conta de uma obstrução intestinal.
O artista em questão desenhou um caixão ao redor do presidente e colocou flores nas mãos, simbolizando sua morte. O desenhista ainda fechou os olhos de Bolsonaro.
“Que providências podemos esperar do Judiciário?”, escreveu o General do Exército no Twitter.


CORREIO BRAZILIENSE/montedo.com

Skip to content