Escolha uma Página

Exército já estuda projeto para renovar frota de tanques de guerra
A vida útil das cerca de 300 unidades atuais termina em 2027

Robson Bonin
Com grana na conta — o orçamento militar do governo para 2021 já deu o que falar pelo gigantismo –, o Exército avança nos estudos para renovar a frota de 300 tanques de guerra Leopard-1 A5.
As áreas técnicas da caserna avaliam duas possibilidades: modernizar as máquinas, o que garantiria mais alguns anos de operação, ou comprar tanques novos. A vida útil dos carros atuais termina em 2027.
RADAR(Veja)/montedo.com

Skip to content