Escolha uma Página
Subtenente do Exército é morto a tiros na frente do filho no Cabula

O filho da vítima estava trabalhando quando ouviu os disparos e correu para socorrer o pai, baleado pelos ocupantes de um Gol
Louise Lobato* ([email protected])
Luis César Ramires da Silva, 59 anos, subtenente da reserva do Exército foi assassinado no bairro do Cabula, em Salvador, na noite da segunda-feira (21). O crime aconteceu por volta das 20h30 na rua Silveira Martins, nas proximidades do Conjunto Habitacional da Polícia Militar 1.
De acordo com informações da polícia, a vítima foi baleada nas costas, peito, abdômen e coxa por três ocupantes de um Gol prata. O subtenente era dono de um comércio situado na frente do condomínio CHOPM 1. O filho dele, Rodrigo Marques da Silva, 32 anos, é dono de uma barraca de bebidas que fica ao lado da do pai.
Ele estava trabalhando quando ouviu os disparos e correu para socorrer Luis César. Testemunhas relataram para a polícia que os atiradores fugiram em alta velocidade na direção do shopping Bela Vista e das Lojas Americanas. Já o filho do subtenente disse ter visto um homem fugindo do local a pé.
Rodrigo socorreu o pai para o Hospital Roberto Santos, onde Luis César deu entrada às 20h35. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu na instituição. O corpo do subtenente foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), onde deverá passar por perícia antes de ser liberado para o sepultamento.
A motivação e autoria do crime ainda não foram divulgadas pela polícia. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
* Com informações da repórter Lara Bastos
Correio 24Horas/R7/montedo.com
Skip to content