Escolha uma Página
Em vídeo que circula na internet, moradores provocam e intimidam militares: ‘Não temos medo de vocês’

Foto:  Reprodução

General assume tropa na Maré e terá de enfrentar clima hostil exposto na web

Em vídeo divulgado nas redes sociais, jovens desafiam soldados da Força de Pacificação com referências à facção criminosa

FLAVIO ARAÚJO
Rio – O general de Brigada Ricardo Rodrigues Canhaci, da 11ª Brigada de Infantaria Leve, de Campinas (SP), assume nesta quarta-feira o comando da Força de Pacificação na Maré com um desafio exposto nas redes sociais. Em vídeo postado há três dias e que até ontem tinha mais de 10 mil compartilhamentos, jovens hostilizam soldados na favela e fazem apologia ao tráfico. “Faz o três!”, gritam eles em referência à facção criminosa Terceiro Comando Puro. No fim da filmagem, um deles chega a ofender os militares: “Nós botamos o AK para f…, pô!”, diz o rapaz, em referência ao fuzil AK-47, uma das armas preferidas dos traficantes do Rio.
Tensos, os soldados tentam argumentar e chegam a sacar spray de pimenta, mas não reagem. Os jovens continuam as provocações. “Tá tudo monitorado”, alerta o rapaz que filma. Um dos soldados responde que não tem medo de celular e os desentendimentos aumentam. “Nós é que não temos medo de vocês”, desafiam os jovens. No fim da filmagem, os militares vão embora e ninguém é detido por apologia ou desacato.
Questionada pelo DIA , a Força de Pacificação avaliou que ‘a tropa é treinada e preparada para esse tipo de situação’. Segundo a nota enviada, ‘os militares seguem as regras de engajamento, que definem a intensidade e a proporcionalidade da força que deve ser empregada’. Neste caso, apesar das provocações, não houve ações que comprometessem a integridade dos militares e da população, sendo desnecessário o emprego de armamento não-letal como o spray de pimenta, informou o Comando da Força de Pacificação. O Exército e os fuzileiros navais da Marinha estão na Maré desde abril e ficarão até 31 de dezembro.
O general Canhaci substitui o general de Brigada Francisco Mamede de Brito Filho. A cerimônia de troca de comando será às 17h de amanhã e, no informe sobre a mudança, o Exército ressaltou que ‘não haverá mudanças nos procedimentos adotados até então’.
Em balanço, a Força de Pacificação informou que desde o dia 5 de abril, 415 pessoas foram presas. O Disque Pacificação permanece com o número 3105-9717 para denúncias, queixas e sugestões.
Leia mais.
O DIA/montedo.com
Skip to content