Escolha uma Página
O Rafale, francês, já esteve ‘melhor na foto’
Em encontro com a presidenta Dilma Rousseff, François Hollande defenderá compra dos aviões da Dassault

Luciele VELLUTO
O presidente da França, François Hollande, desembarca no Brasil na quinta-feira 12 para tentar convencer a presidenta Dilma Rousseff a optar pelos caças Rafale, da francesa Dassault. O líder francês será acompanhado pelo CEO da companhia, Eric Trappier. Os principais pontos da oferta da empresa são a transferência irrestrita de tecnologia, incluindo montar as aeronaves no Brasil.
A Dassault já possui 80 cartas de intenção assinadas com mais de 50 empresas brasileiras nos Estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná para parcerias na produção as aeronaves. Entre elas está a Embraer, que propõe montar os aviões no Brasil. A companhia francesa ainda prevê fechar um acordo com universidades e centro de ensino técnico para a formação de profissionais capacitados para fazer a manutenção e ainda desenvolver os aviões conforme as necessidades do País.
Na disputa pelo contrato com o governo brasileiro para a venda de aeronaves para a Força Aérea Brasileira (FAB) ainda está a americana Boeing e a sueca Saab. O governo anunciou, em 2009, que pretende comprar 36 aeronaves, com um orçamento de mais de US$ 4 bilhões.
ISTOÉDinheiro/montedo.com
Skip to content