Escolha uma Página
Comandante do B Log fala sobre incêndio
As chamas foram causadas por militares que estavam detidos e que atearam fogo no colchão…
Luiz Carlos Wessler
Na manhã desta sexta-feira (18) o comandante do 15º Batalhão Logistico (B Log), de Cascavel, Tenente Coronel José Alexandre Nascimento Freitas, falou sobre o incêndio causado por soldados do Efetivo Variável.
Ontem (17) a CGN divulgou o fato que aconteceu há poucos dias em uma das celas do B Log.
Segundo o Tenente Coronel, três militares estavam detidos e dois deles foram os responsáveis pelo fogo, que começou no colchão de uma das celas.
De acordo com o comandante, todo processo militar é muito bem estudado e todos que estão respondendo por alguma transgressão tem muitas chances de se defender e ele não entende a atitude dos soldados. Alexandre disse que nunca viu algo assim.
A equipe da CGN teve acesso à cela em que os militares atearam fogo, mas por medida de segurança e a pedido do comando, não foi permitido fazer imagens do local que já está parcialmente reformado, mas ainda cheira fumaça.
Os militares que provocaram o incêndio não ficaram feridos e agora a situação deles só piora, porque além da transgressão disciplinar pela qual respondiam, eles cometeram um crime militar, e se forem expulsos do Exército passarão no mínimo dois anos sem conseguir retirar o comprovante de serviço militar.
CGN/montedo.com
Skip to content