Escolha uma Página
COBERTURA – Comunicação da FAB atuará no Mundial Militar com equipamentos de alta definição
A linha de chegada, o ponto, o gol, a marca, o recorde, por si só, são momentos históricos. Melhor agora que podem ser gravados em alta resolução, serem divulgados e brilharem ainda mais nos veículos de comunicação. As equipes de jornalismo da Força Aérea Brasileira atuarão com equipamentos de ponta para registrar os Jogos Mundiais Militares, que acontecem de 16 a 24 de julho.
As câmeras de vídeo são Full HD, o que representará uma melhor qualidade final às imagens dos esportes e capacitará a equipe da FAB para divulgar o que for captado. A câmera conta com dispositivos de captação de imagem de última geração.
“O que inclui todo o dispositivo, do tamanho do sensor, lente e a sensibilidade (iluminação mínima) para captação. Para se ter uma ideia, o número de linhas de definição (1080×1020 linhas) é compatível com o material das emissoras de TV”, explica o Suboficial Rogério Prada, cinegrafista e editor de imagens do Centro de Comunicação Social da Aeronáutica.
Se as equipes de vídeo estarão bem preparadas para a competição, o mesmo ocorre com os fotógrafos que contarão com câmeras com maior capacidade: 20 megapixel. Todo o material captado será disponibilizado durante os jogos para quem quiser baixar.
Materiais

O Centro de Comunicação Social da Aeronáutica (CECOMSAER), desde abril, registra as missões da FAB com câmeras Full HD. O formato é o que, atualmente, permite a melhor qualidade na captação de imagens. A chegada dos equipamentos possibilita à FAB o acesso ao que há de mais avançado em termos de tecnologia da imagem. Com as câmeras Full HD, será possível ver nossos militares com mais nitidez.
AGÊNCIA DA FORÇA AÉREA
Skip to content